Em amor, não há último adeus!

"Em amor, não há último adeus, senão aquele que se não diz." by Nihonjin Ilustra
"Em amor, não há último adeus, senão aquele que se não diz.", a photo by Nihonjin Ilustra on Flickr.

Olhando para o teto branco
Preparava para mais um dia
De dualidades de pensamentos
Adorava ficar sozinho
Mas sentia falta de você

Quando parecia que estava tudo esquecido
Você apareceu na janela
Com seu rosto de olhos esverdeados
Com um brilho de muito amor

Passado este instante
Num minuto não tão distante
Lembrei de imediato
Que um defeito você tinha

Um ciumes que surge de repente
Que acaba com a gente
Um ciumes que te faz criança
Com tanta desconfiança

Mas quando você sorriu
Me acalmou, suavizou e encantou

Quando seus lábios me tocaram
Tudo foi embora

Por que meu coração me diz
Que foi tudo um engano
E que o amor de minha vida
Sempre ...
Será você!

Autor: FelisJunior

Comentários

Descer Página
  1. que lindo Feliz...o amor cobre multidões de defeitos...beijinho suave na alma..

    ResponderExcluir
  2. Olá vim conhecer seu bolg e estou encantada!! parabéns, amo poesias... obrigada Bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá amigo belo poema, de novo não encontrei a lista de seguidores p participar, por que não a coloca na coluna ao lado, vc fala que esta no rodapé mas não aparece! Bjoooooss

    ResponderExcluir
  4. Amar é permitir sempre, amar é deixar que o outro vá — ou que fique, se assim o desejar. Amar é ter um respeito absoluto pela própria liberdade e pela liberdade do outro. Amar é compreender sempre. E isso não significa apenas entendimento racional, vai além, muito além: Amar é reconhecer afetuosamente o direito que o outro tem de fazer suas escolhas — mesmo que essas escolhas eventualmente me excluam.

    Um beijo

    ResponderExcluir
  5. Poeta...como é bom ler seus poemas...
    Obrigada
    Parabéns!!
    Um carinho
    da vera portella

    ResponderExcluir
  6. parabéns amigo pelo blog e obrigada por sempre me dar seu carinho... beijinhos no coração

    ResponderExcluir
  7. Oi, Junior!!
    Belo poema!!AMOr!!!já diz tudo!!
    Apareça!!Vc é sempre ben vindo!
    Bjokas no core!
    Sua amiga Soninha!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Subir Página