Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2013

Caminhos dos meus sonhos

Imagem
Indo pelos caminhos dos meus sonhos, ditando o ritmo dos meus passos, pensando em tudo,  não prestando atenção  para onde ia.  
E lá estava , cor do pecado , por todo lado,
 tranças feitas e  o doce  corpo que me faz  devanear todas as noites  .
  Sutilmente me aproximo... vejo com admiração  o belo sorriso naquela boca, que me faz crescer a esperança do que desejava  fazer.
  Entreguei-lhe a rosa e  ela nem  me olhou.
 Não tinha importância... dali a pouco o meu perfume e o calor, fariam ela despertar para o desejo que transbordava dos meus poros. 
Já nem me lembro mais- apenas sei que não foi preciso palavras.
Agarrou-me  a cintura,
Abraçou-me, eu sorri .
 Entre tantas caricias escondidas...
 Sua boca era extremamente sensível à minha...
❤‿❤ Olá! Não sei que ordem vou dar a cada postagem, não sei se vou conseguir retribuir à todos.   Desculpem, é que  depois do "susto", tentarei levar uma vida normal e acreditando no poder de nosso Senhor. E escrever aqui  será um  bálsamo consolador pa…

Olá!

Imagem
Vim só para dizer um olá e agradecer a todos que passam por aqui e deixam suas carinhosas palavras. 
Em breve, espero voltar a postar e acessar os blogs diariamente.
 Escrevo sem muitas revisões,  inclusive, sobre os motivos de minha ausência urgente, que , bem sei, causou muitas preocupações. Escrever aqui me faz muito bem, já que não sou muito de escancarar particularidades que não seja em estreito diálogo e informalidade.    Numa madrugada, calma e serena, algo se exaltou em mim.  Dor de cabeça, mal-estar, fadiga, boca amarga, febre, calafrios, indisposição gástrica.
Tudo isso e mais um pouco, que me fez ir correndo procurar um médico.
Até porque em determinadas situações cada fator negativo  aparentam uma dimensão maior que a realidade. 
Veio meu diagnóstico: febre paratifóide “B” resultante de ingestão de alimento contaminado.
 E o médico falou depois,  que a rotina intensa estava atrapalhando minha vida. Aquelas necessidades de querer fazer tudo,  e nem camisa de força segura.
Eu sempre…

Pause

Imagem
Colegas,amigos(as) e parceiros(as) estou meio afastado da Blogosfera por problemas de saúde. 
Volto logo. Obrigado pelo carinho. Beijos e abraços 22/Maio/2013

Só tu não me vês

Imagem
Posso ver-te, só tu não me vês ...
Vê  o brilho do meu olhar, mas não me vê.  Sente o toque de minhas mãos,mas não me vê.  Escuta o palpitar do meu coração, mas não me vê.
Eu  te acalento, com muito amor e carinho, só tu não me vês.
Nas tuas noites, só tu não me vês...  Busca enxergar-me com tua alma, aí me verás dando um brilho tão especial à tua noite.
Busca a mim em todos os momentos,aí me verás. Senão, por que seria eu um amor para...  Um segundo,  Uma hora, Um dia, Um ano,  Uma Vida...
Imagem:Google Up postagem 10/12 19, 20 e 21/Maio/2013

Um olhar na multidão

Imagem
Fazia frio naquele dia e o sol oblíquo que ainda cintilava nas pedras ia perdendo a força, à medida que a tarde caia. Naquela rua estreita. Ainda aquela multidão apertada.O som dos ventos que traziam algumas folhas aos meus pés.  Tu olhaste para mim, estavas a uns escassos metros à minha frente.   Seus olhos , mais belo infinito, um mundo de encanto, me fizeram estremecer.
Soube me dizer somente com o olhar tudo o que precisa dizer.
Senti no coração, a expressão do olhar que  dizia tudo que eu queria ouvir. 
Olhar que   penetrou no mais profundo do meu ser.
É só senti lo no coração e expressá lo no olhar .    Um olhar de quem me procurava por toda a vida.   Seus olhos... Eu e você... Uma multidão...  Eu e você...Um olhar... Eu e você...  Um amor...
Imagem:Google  Up 11/12  17, 18 e 19/Maio/2013

A velha saudade

Imagem
Às vezes dá vontade de comer chocolate sentado na frente da televisão e ver aquele meu desenho preferido.  Às vezes olho para fora da janela e penso em bater um papo com a vizinha. Às vezes quero subir em árvores, ou simplesmente descansar em uma rede amarrada nelas.  Em pegar a bicicleta e parar lá na cidade próxima . Às vezes quero dormir tarde e acordar bem mais tarde. E assim me pego pensando coisas da mesma maneira que tanto me deixava mal quando você estava por aqui. Dia desses exagerei no chocolate.Me entupi de cookies e pipocas.Derramei refrigerante no sofá branco. A cozinha estava com um cheiro insuportável, pois queimei o feijão. E...ah...confesso que pensei em te ligar. Lembrei-me com saudades de você chegando, reclamando da bagunça , da sujeira e do meu café fraco. Você questionando minha felicidade e minha independência. Na maioria me julgando maluco e infantil. Foram tantas brigas e discussões.  Sua mãe não parava de dizer para separar e que cada um ficasse em uma jaula, perto da ou…

Sem uma espécie de loucura

Imagem
(...) Juntando os seus recursos, alugaram uma casa no centro , duas divisões, quarto e sala , e o banheiro. Durante nove anos uma vida comum e modesta. Até que Junior adoeceu.E Amanda que sempre  esteve atenta à saúde de seu companheiro,  tomava conta dele. E houve dias de  falta, em consequência dos altos custos do tratamento médico.  Amanda , tomava, amorosamente, parte nos esforços  para amenizar isso.  Para isso, pôs-se a trabalhar  em casa de famílias que recorriam a ela.  Laços de amizade foram assim criados com um certo número de pessoas. Até que conheceu Alberto...  que se apaixonou por ela!  Mas que fazer? Sentia-se impotente perante esta imensa escolha…  Bastaria sentir esse amor no seu coração,  partir e deixar Junior sozinho? Não seria necessário sentir no seu coração, e ficar , como sempre fez, ao lado de Junior? É esse passo que Amanda está querendo saber... Sem uma espécie de loucura (...) Imagem:Google 13, 14 e 15/Maio/2013

Saudosa mamãe

Imagem
  Na minha infância, tinha uma menina como vizinha, que era moreninha e bonitinha. Por ser muito tímido, eu ficava observando aquela garotinha de longe.
Tinha uns cabelos longos e negros. Olhos esverdeados e amendoados.  Quando sorria, aparecia uma covinha no queixo. Quando ela percebia meus olhares furtivos, ficava ruborizada.  Era uma gracinha.   Certo dia, para pedir um favor para a mãe , ela entrou em nossa casa no momento em que minha mãe servia a mim e a meus irmãos um doce de goiaba.  Minha mãe foi muito carinhosa , e estendeu à menininha o doce.  No primeiro momento foi uma estranheza só.
Ficamos, eu e meus irmãos, olhando, e o doce esquecido.    Por muito tempo isso se repetiu. Hoje,  entendi o gesto de minha mãe.  O mundo precisa de pessoas assim, que se dispõe a ser amável e carinhosa apenas pelo prazer de ver o outro feliz.  E, também, por aquele gesto, minha mãe, por instinto ou não, me fez aproximar, namorar e casar com aquela menininha.  Passado todo este tempo, aquela menininha conti…

Vinho de ti

Imagem
Quero infinitas noites de amor Sair de mim,  sorvendo em taça O mais embriagador vinho extraído de ti
Quero de teus toques, a sedução Carícias atrevidas sem pudor Gritos de prazer, gemidos de emoção
Quero te na mesma sintonia, vinho e queijo  Adoçar os lábios, aquecer o corpo Nem muito, nem pouco, todo desejo
Quero te com a essência, vinho florado Com teu hálito,  vinho frutado Me embriagar de amor  Em teus braços, junto ao seu sabor...
Imagem:Google 08, 09 e 10/Maio/2013

Solidão e você

Imagem
No horizonte  se misturam o azul do mar com o céu negro salpicado de ouro estrela e na Lua o reflexo de minha solidão. Solidão que  invade o ar leve da paz do meu coração.  Coração que não controla a emoção. Emoção que estremece minha alma.  Alma calada pelo Adeus. Adeus que derramaram lágrimas. Lágrimas  de algo que não é mais meu.  Não é mais meu quando aparece a saudade.  Saudade calada ante o fim. Fim que se torna angústia.  Angústia que faz meu coração sangrar. Sangrar  e dilacerar em tristeza. Tristeza presente na minha solidão. Solidão e você. Tão perto. Perto sem poder  te abraçar.  Do abraçar tu foges. ...Solidão e nada mais... Imagem:Google  Up 10/12 07, 08 e 09/Maio/2013

Uma imagem, 140 caracteres - 5ª edição

Imagem
 Estava na hora de mudar o caminho.
Não insistiu.
Permitiu a partida.
Um ciumes que surge de repente.
Que a deixa  calada ante o adeus. Blogagem Coletiva Uma imagem,140 caracteres-5ª ediçãoChristian V.Louis - Escritos Lisérgicos Para participar ClicAki  ►.◄ 2ª Antologia Literária Escritos Lisérgicos A 2ª Antologia Literária Escritos Lisérgicos, com o tema Dois anos, resultado de uma Blogagem Coletiva que foi um sucesso e teve  participações de vários (as) amigos(as) blogueiros (as), inclusive ,com excelentes textos.
ClicAki para adquirir. ►.◄ 05, 06 e 07/Maio/2013

Sem amor, sem poesia

Imagem
Estas letras, não foram pensadas como antes.
Não estão trabalhadas de modo a desenharem uma linda poesia.
Também não estão encadeadas de modo a fazer tanto sentido.
Estou confuso demais para articular os vocábulos e os sentimentos corretamente.
O raciocínio parece desconexo.
Sinto que estou a me dividir aos poucos.
Os sonhos adormecidos, ressabiados.
Subsistindo, resistindo, persistindo.
As ilusões foram trancafiadas num baú, escondido em lugar incerto e não sabido.
A cada linha, contorno de uma nova ideia convexa.
Letras complexas tropeçando ali, caindo acolá.
No fundo da memória procurei-te e só os monólogos que recorri para provocar a fuga da solidão.
É a vida nos tirando sempre aquilo que julgamos definitivo.
Eu ainda amo. Mas ninguém precisa saber.
Já não sei muitas coisas, já não sei nada do que sabia.
Não estou conseguindo fazer rimas.
Fogem de mim as palavras.
Não tenho em que me inspirar.
Já não tenho, nem sei se terei por muito tempo.
Contudo, a história foi escrita.
O…

Sofres coração

Imagem
Quão sofres coração! Amas sem limites
Andas na solidão a vagar
Saudades que hão de chegar

Onde estás teu amor? Deixaste a razão levar Foste sem coração morar Em outra emoção
Ah! Dor imensa Sentes esse coração! Partistes... Uma parte chora... Outra sorri
Rios de desencantos...
 Fazem mar de dor
És tolo coração! Brincas de amar
Fazes rir...
Fazes chorar Que abre, que fecha ... Que dilata, que diminui
Vives por viver...
Quem entende? Só quem ama... Sabes a dor de amar Mas não perde a esperança... De outro amor encontrar!

Imagem:Google 01, 02 e 03/Maio/2013