Um laço para sempre

Imagem:Google
Quem é aquela que  chega sempre? 
Aquela que sempre gosta de me fazer companhia?
    Criou por mim uma afeição diferente.
Inexplicável.
 Um laço que o tempo jamais  conseguirá desfazer. Não sei nem como descrever.  
 Vivo intensamente com ela.
     Ela nem  se dá conta de que sua presença já é suficiente para isto.
 Ela me assusta em alguns aspectos.
      Mas  já me encantei por sua companhia.
 Me conquistou para o resto da vida.


Estarei com você onde for.

Solidão!

________________________________________________

"Minha força está na solidão. 
Não tenho medo nem de chuvas tempestivas nem de grandes ventanias soltas, pois eu também sou o escuro da noite."  Clarisse Lispector
________________________________________________

Comentários

  1. E a pior delas é a solidao acompanhada...

    ResponderExcluir
  2. Parabéns, poeta!
    Feliz dela de receber este lindo poema.

    Boa semana, amigo.

    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Hermoso lazo que los une, bellísima entrada mi querido Junior!
    Te dejo un fuerte abrazo, buen comienzo de semana.

    ResponderExcluir
  4. Olá poeta Feliz,

    A solidão por vezes machuca a alma, e por vezes restaura nossas força.

    Como diz Clarisse Lispector
    "Minha força está na solidão. Não tenho medo nem de chuvas tempestivas nem de grandes ventanias soltas, pois eu também sou o escuro da noite."

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  5. Hi Felizberto ..
    Thanks for visiting and how funny that you liked my mother's days blog ..
    Yes, mothers are probably the finest thing you can have for most people but we should not forget our fathers .. Have a nice day my friend Hugs / / Night Lady

    ResponderExcluir
  6. Felix-Poeta!
    Tudo bem?
    Lindo, lindo!
    Esses laços que às vezes nem sabemos como foram feitos, mas que não desatam por nada... e assim ficamos presos a uma pessoa, ao amor.

    Beijos e ótima semana!

    ResponderExcluir
  7. Oi Felisberto! Tudo bom?
    Nem fale em correria, de fato a vida está um agito que só ^^ Espero que quando a faculdade terminar eu ajeite minha vida =P (e arrume um emprego bom xD)

    Sim, sim, estou sempre acompanhando os capítulos e o que a galera anda achando. Falando nisso, tenho que te mandar o restante, estamos quase terminando a história. :)

    Adorei o seu poema. Geralmente me sinto assim. Afinal, já meio me acostumei, só me resta isso no fim mesmo ^^ Ah, queria amiga solidão =P

    Abraços e uma ótima semana
    http://suinguken.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Essa companhia abordada por você é a autenticidade da ternura, do querer bem, sem cobrança alguma, apenas doação!
    Abraço, Célia.

    ResponderExcluir
  9. BOM DIAA!!
    Sou como ela, ja não tenho medo de nada...Sou como a Luz do Sol ou o brilho da Lua, sempre me despindo de poesias, sempre desnuda...Sou assim, sem medo do que possa acontecer...nem medo da Morte, me faz sofrer...Adorei e me empolguei!
    Bjinhos de acalento...A solidão é minha amiga tbm, é tão bom, ficar com ela em silencio...Me faz refletir bastante sobre a vida!
    Sempre sua Amiganja...Boa semana!

    ResponderExcluir
  10. Felisberto, quando se aprende a conviver com o fundo de nós mesmos, quando a solidão é tantas vezes necessária ao equilíbrio do resto do dia...ah... aí está a magia, meu caro amigo poeta!

    Agradecer é próprio das almas puras e belas!
    Amei o teu agradecimento no post anterior e, além do mais, mereces todas as homenagens porque dás voz ao teu dom!
    Escrever, poetar é dom divino que deve ser exercido com alegria e sabedoria.
    É como o dom da vida que tanta gente desperdiça à toa...
    Bom, mas isso já é outro assunto...rsrs...

    Grande abraço e feliz semana!

    ResponderExcluir
  11. Lindo, lindo este poema, embora possua um tom melancólico.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  12. Triste porém poético!
    http://mardeletras2010.blogspot.com.br/2012/05/realidade-ficcional.html

    ResponderExcluir
  13. Poesia é vida!
    Parabéns pelo blog.
    Boa semana

    ResponderExcluir
  14. Infelizmente Júnior, é uma tentativa de reduzir a angústia, inclusive no momento em que estavas a comentar em meu blog editei o texto.
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  15. Solidão....palavra incompreensível...

    Belo poema!

    Abçs

    ResponderExcluir
  16. E quem foi que disse que solidão não é uma companhia, não é mesm? Ainda mais para um poeta como você...

    http://senhoritamoca.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Todos temos essa companhia que hora é agradável outras uma tortura, um belo poema.

    ResponderExcluir
  18. Tenho certeza que é além da troca de remédios também.
    Obrigada por ler o post, tenha uma ótima semana Júnior

    ResponderExcluir
  19. Ola poeta, lindo seu poema, doce e amable. Beijos, feliz comienzo de semana.

    ResponderExcluir
  20. a solidão é a fiel companheira de maior parte da população... bjuuu linda semana.

    ResponderExcluir
  21. A companhia da solidão pode ser enriquecedora se a controlarmos e se for por opção. Doutra forma pode tornar-se doentia.
    um beijo.

    ResponderExcluir
  22. OLá meu querido Felis!

    Eu penso que a solidão só não incomoda quem aprendeu a amar-se, e dar-se bem consigo mesmo, numa convivência pacífica, sem crises.

    A sua produção poética está super intensa, hein meu amigo, parabéns!

    Tenha um início de semana, cheio de alegrias!

    Bjos da Lu...

    ResponderExcluir
  23. Como assim? Pensei que era uma mulher maravilhosa e vc me vem com a solidão?! kkkk, brincadeira amigo, as vezes a solidão é excelente companhia para boas reflexões! Abraçosss

    ResponderExcluir
  24. A solidão machuca, dói e é amarga.
    Mas é incrível como ela se torna sútil na sua poesia. Parabéns!


    Te desejo uma ótima tarde de segunda-feira, uma excelente e abençoada semana. Cheia de paz, luz e inspiração.
    Grande abraço.
    Tatiane.

    http://tatian-esalles.blogspot.com.br/

    Att.

    ResponderExcluir
  25. A solidão pode ser cruel ou pode ser nossa amiga, depende de nós.
    Adorei o poema e a menção à eterna Clarice Lispector.
    Boa semana!

    ResponderExcluir
  26. Felisberto!!!
    Que baita poema!!!
    Solidão não!!Pode ser eu? sua amiga aqui!!!!rs!!que não sabe mais viver sem seus cometários aqui!!kkkkkkkkkkk!

    Ah!! vc tá muito piadista!

    "então...tudo na vida é passageiro, menos o cobrador e o motorista..."

    Bjokas,Soninha.

    ResponderExcluir
  27. Ola Boa Noite.. bem sim ... nossa lindo poema Felisberto grata
    e uma linda noite para ti e uma super tranquila semana :)

    ResponderExcluir
  28. OI FELIS!
    ADOREI.
    COMO PODE ALGUÉM TÃO JOVEM, FALAR SOBRE SOLIDÃO DE FORMA TÃO PERFEITA?
    ( JÁ SEI É INSPIRAÇÃO)
    SÓ QUE, ESTÁ TÃO LINDO QUE NOS INDUZ A ACHAR QUE É VIVÊNCIA ...
    ABRÇS

    zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderExcluir
  29. Lindo poema, Jr, mas tem uma sutil tristeza no fim... beijos e linda semana.

    ResponderExcluir
  30. Ola Felis,

    Belo poema! Mas a solidão é um sentimento que por vezes dá medo! Sim, as vezes é interessante ficar sozinho e meditar sobre a vida, mas não por muito tempo. O velho fantasma da solidão!

    Abraços, Flávio.
    --> Blog Telinha Crítica <--

    ResponderExcluir
  31. Sigo siendo tu admiradora, me gusta como escribes, aunque entienda muy poco.
    TKs!!
    DtB!!

    ResponderExcluir
  32. Oi Fe vim te deixar mil bjus de Bom Dia. TA

    ResponderExcluir
  33. Quando aprendemos a conviver com ela. " A solidão". Se torna mesmo uma grande amiga e conselheira.Lindo poema.
    abraçõs.

    ResponderExcluir
  34. La soledad hay que aconstumbrarse a convivir con ella y cuando ya es una amiga llena los vacios de las fantasías que ella misma ha provocado.

    Un abrazo querido amigo!!!

    María del Carmen

    ResponderExcluir
  35. Meu amigo querido,

    Tudo bem? Como sempre nos presenteando com sabedoria e com tanta inteligência ao descrever a solidão. Adorei Clarisse no final.

    Boa quarta!
    Beijos,

    Lu

    ResponderExcluir
  36. Cadê voce??
    Ta dodoi de novo??
    Sem post., fico perdida,
    mas passo assim mesmo, só
    para deixar-te meus bjinhos
    curativos, para melhorar do
    dodoi...Ei, psiu?? Volte logo
    ok?
    Sua sempre Amiganja!

    ResponderExcluir

Postar um comentário