Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2018

Sobre meus textos

Imagem
Mesmo com alternância, procuro escrever de forma com que prevaleça o lírico.  Sem perpetuidade, mas, procurando não afastar muito da essência. 
Vale a pena ressaltar que embora a lírica seja basicamente composta por poesias e poemas, não necessariamente irei sempre me enquadrar  , pois,   o que realmente determina a inclusão nesta categoria - gênero lírico - são suas características , por exemplo o espírito subjetivo e a participação do “eu-lírico” expressa pelas emoções e pelo sentimentalismo, que aparecem de várias formas e por isso é difícil ter uma composição perfeita. 
Claro que um texto nunca estará isento da subjetividade do Autor , mas pode ou não expressar as vivências efetivas , pois, no momento - da escrita - , algumas emoções e sentimentos - exterior - são filtradas e recriadas através da escrita, e um "novo eu" nasce , sendo a voz que se manifesta e que pode  salientar  algumas diferenças entre "eu Autor" e o "eu lírico/sujeito lírico"
Está certo…

Calendário

Imagem
Eu fico olhando o calendário o tempo todo, contando os dias, esperando por uma determinada data , que demoram mais que o normal. Viver a espera, é a prova de que esse amor é o mais lindo e verdadeiro que já senti. Tenho vários desejos em meu coração e todos incluem você.

E parece mentira que o dia está chegando. Parecia que era mais inatingível, tão distante era no tempo e na minha cabeça. E eis que está chegando...
°

Dança

Imagem
É dançar, dançar sem olhar para nada.  Fechar os olhos e sentir a música.  É dançar, dançar não olhando para o mundo. O sol dança com a lua Você comigo! °

O mundo gira

Imagem
Quando ela me disse o que mais temia, o mundo se abriu abaixo dos meus pés. Levantei - me do sofá e fui em direção ao banheiro. Sentei na tampa do vaso e acendi um cigarro.  Meus cabelos ganharam um pesado cheiro de nicotina.  Minhas lembranças voltaram à medida que os segundos passavam.  Meus olhos começaram à arder e a cabeça doía.
Em questão de minutos comecei a sentir o mundo girar.
Voltei para a sala com uma estranheza na alma e a sensação de não reciprocidade foi muito grande.  E, num surto de raiva, abri a porta da saída com a desilusão amargando na boca .
[Ela só se defendeu à base do silêncio. Também não tinha certeza se estava fazendo a coisa certa. Mas, decidiu deixar que esse amor morresse aos poucos. Entendia que esse seria o melhor fim. Para congelar enquanto está tudo bem e levar assim para sempre.]
Sentei nas escadas à espera de amenizar um pouco a chuva torrencial, 
observando o movimento da rua ...  minutos depois, ele apareceu com um buquê de flores ... °