Ao anoitecer

Ao anoitecer...

Há tal soturnidade... 
Há tal melancolia... 
Que as sombras... 
A escuridão... 
Despertam-me um desejo 
Absurdo de sofrer. 

E a noite inspira-me e incomoda!

O transpor do ponteiro
Por sobre o outro.
Em acordo com o vento
Que tudo leva e tudo traz. 
Assim como a maré 
Que vai e vem.
Os paradoxos da dualidade 
Que a tudo se atribui...
Que a tudo contribui
Me faz 
Ser massacrado pelo tempo 
Pelas circunstâncias 
Da vida dos contrastes 
Da sofreguidão 
Do gozo extremado.

E a noite inspira-me e incomoda! 

Desperta-me um desejo
Absurdo de fugir. 
Deixando tudo para trás... 
E ir encontrar 
Aquele passado... 

Medindo-o com o caminho 
Que sempre sonhei... 

Imagem:Google

Comentários

Descer Página
  1. Olá Felis querido!!

    Que poema inspirado hein?

    E qual poeta não se deixa submeter pelo absurdo desejo de sofrer? Não aquele sofrer pequeno dos mortais...Não! O sofrer do poeta se faz múltiplo, naquilo que lhe dá gozo, como você mesmo pontuou: vento que leva e traz, maré que vai e vem, fugir do hoje, e retornar ao ontem...Coisas da imaginação de um poeta como tem sido você nos últimos tempos:
    a p a i x o n a d í s s i m o !!

    Feliz feriadão, querido!

    Beijos da Lu...

    ResponderExcluir
  2. Poema lindíssimo! Durante a noite, toda pequena tristeza fica imensa e parece que enxergamos tudo com uma lupa... Por isso, a noite também me inspira e incomoda :)
    Gostei muito da sua poesia! Já havia lido seus comentários em outros blogs e hoje vim conhecer o seu:) Adorei e vou ficar por aqui!
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  3. Bom dia meu amigo
    Sofrer na dualidade
    jamais sentir saudade
    bom seria se fosse inverdade.
    Parabéns poeta! Cada dia mais inspirado. Seu poetar é fascinante. As dores do poeta penetram fundo em nosso coração. Tem um mimo no post de hoje. Busque o seu. Com todo o meu carinho.
    Um ótimo feriado.
    Beijos grandes
    Gracita

    ResponderExcluir
  4. Hej Felisberto Jr.
    Wish you a nice week, and lots of fun..
    Hugs Moonlight

    ResponderExcluir
  5. A noite esconde muitos segredos. Que passe um lindo dia.

    ResponderExcluir
  6. A noite é palco de muitos cenários nas nossas vidas, hora empolgante, hora relaxante hora deprimente, Gostei muito! Abraços e ótimo feriado!
    Não vim antes por que minha lista de Blogs desapareceu! (???)

    ResponderExcluir
  7. Uma das suas ,maravilhas de poema,eu vim deixar meu abraço, nessa quinta de feriado com frio e chuva ainda,
    te convido para um quentão,como vc diz que já tomou vinho quente,vem lembrar da quermesse rsrsrsrsr
    Um abraço meu lindo,tudo de bom pra vc
    Bjusss com carinho
    Rita!!!!

    ResponderExcluir
  8. Esse anoitecer é como sentir saudade do que não vivi.

    ResponderExcluir
  9. Ao anoitecer,
    chega a noite escura
    Alegria ou tristeza acontecer
    Na noite iluminada pela lua!

    Para vista não ser
    Procurar a solidão
    Dos olhares se esconder
    Não saber porque razão!

    Bom feriado,
    um abraço
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  10. Sempre construções inspiradoras...
    Gosto de passar e poder ler grandes palavras, cheias de sentimentos. Abraços

    ResponderExcluir
  11. Boa tarde!
    As vezes, tambem me sinto assim,
    com vontade de fugir! Mas para onde? E para que? Poeta, tu queres voltar ao passado, pois deixara teu amor te perder...Mas tudo que passou deve ser entendido como evolução para Amar e ser amado hoje no presente, novos amores, novas experiencias, onde voce poderá tentar corrigir o instante que perdeu...
    Passei para deixar-te bjinhos prolongados, como o feriado.
    Sua sempre amiganja! De olho em ti!

    ResponderExcluir
  12. Geralmente as inspirações me chegam a noite, e qual poeta não se deixa absorver pela tristeza e solidão? Bonito poema, como sempre. Um beijo e um bom feriado a você amigo. Suzana.

    ResponderExcluir
  13. Muito bom Felisberto...Acontece porque você ainda consegue ter tempo de ver o anoitecer , a beleza e o silêncio desta imensa escuridão...inspira e incomoda, conjugação mais-que-perfeita!
    Abraços e feliz feriado.

    ResponderExcluir
  14. Las personas que gustan escribir son mucho mas sensibles, la noche es inspiradora...del amor y la tristeza.
    Bellas letras mi querido Junior, bonito jueves!

    ResponderExcluir
  15. Parabéns querido!
    Poema mais que belo, palavras escritas que nos faz refletir e voltar com as lembranças do nosso passado.
    Parabéns mais uma vez.
    Beijinhos

    Aqui Fofura...Nem tão fofo assim

    ResponderExcluir
  16. Poesias sempre lindas! Amigo querido! Obrigada pela preocupação! Tive uma Lombalgia aguda e fiquei com muitas dores nas costas, com dificuldades sentada, de pé, deitada, enfim nenhuma posição trazia alívio. Já estou me sentindo um pouco melhor, graças a Deus, ao remédio e ao repouso... Tão logo possa, farei uma postagem explicando! Obrigada pelo carinho! Bjo no Coração!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.

    ResponderExcluir
  17. Poema lindo como sempre!
    Não canso de me surpreender com a beleza dos seus poemas.

    Obrigada pelo comentário lá no Sook. E desculpe a demora para responder.
    Aaaah tem PROMOÇÃO nova lá no blog!!! Confira.

    BjO
    http://the-sook.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá Felisberto,
    Esta poesia é uma obra de arte, misteriosa e sensual. Es hermosa.
    Te envio um beijo e cuidate do frio. Por aqui, em Buenos Aires, esta nevando, brrrrrr.
    O inverno é inspirador, no? e um momento de reflexão... elfos estao em todas partes.

    ResponderExcluir
  19. MUY CADENTE MELANCOLÍA.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  20. Felisberto, boa noite, lindo poema, a noite é mesmo inspiradora e às vezes assustadora,parece que tudo acontece à noite!!!
    Abraços meu amigo querido!
    Ivone

    ResponderExcluir
  21. Boa noite meu menino lindo!!!!!!
    Boa noite meu menino sonhador!!!!
    Boa noite meu menino inspirador!!!
    E ai garoto!!!!!!
    Sempre viajando no mundo da poesia e encantando quem te ler.
    A noite tem a capacidade e o poder de transmitir pensamentos e desejos voadores,rsrsrsrsrs
    Boa noite com beijinhos !!!!!

    ResponderExcluir
  22. Um belíssimo poema, amigo Felisberto!
    Que gostei muito, muito de ler!

    Beijo meu
    Bom fim de semana
    Sónia

    ResponderExcluir
  23. a Imensa saudade na imensidão da noite sem fim.
    Lindo poema.
    Bom final de semana.

    ResponderExcluir
  24. Ah, que pena que nem todo passado é acessível...

    ResponderExcluir
  25. Olá Junior, obrigada pela sua visita em meu blog, e vim aqui no seu espaço, e já me hospedei. Meu querido tu escreves com a alma e o coração, acredito eu que todos nós que escrevemos relatamos , e revelamos muito de nós, escrever um poema, em cada verso produzido resulta de uma inspiração individual, é uma manifestação de algum sentimento, e de um pensamento livre. E você escreve como tal é um poeta. Parabéns, voltarei mais vezes, e quanto a nossa amiga Gracita...ela é encantadora, eu a considero demais.
    Beijos meu amigo e um ótimo final de semana.
    Clarice

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Subir Página