Minha dor em versos

 Eu peguei a minha dor...
 Transformei em versos...
Você não vem...
 Eu escrevo...

Eu grito no silêncio
 Dos meus versos repetidos. 
 Eles estão contigo.
E a dor comigo.

 E os meus versos  gritam,
 Suplicam e imploram,
 Para que você volte...

Eu não sei mais o que fazer 
Enquanto você não está aqui.
 Penso  que todos os dias
 Você irá voltar.

 Sou o que restou 
De mim sem você.

Você ainda permanece 
Aqui dentro de mim...
Imagem:Google

Comentários

  1. Muito lindo seu poema. Transformaste a saudade em lindos versos. Escreves brilhantente. Amo! Beijos

    ResponderExcluir
  2. Eu sabia que seria lindo!
    "A minha dor coloco de forma
    perjorativa, pois o que sinto
    mesmo, são saudades de ti, minha
    alma ja esquecida!"

    Adorei e me empolguei.
    Feliz se um dia não nos
    falarmos (teclarmos) mais,
    saiba que gostei muito dessa
    nossa amizade e guardarei num
    canto de meu coração sempre!
    Bjinhos Angelicais, carinhosos.

    Sua sempre Amiganja!

    ResponderExcluir
  3. (\__/)
    (='.'=)BELLO VIERNES,SABADO, DOMINGO...
    (")_(")DONDE QUIERA QUE TE ENCUENTRES...BESOS!!
    ˜*•.”*°•.”*°•.•°*”.•°* ”.•*˜˜*•.”*°•.”*°•.•°*”.

    ResponderExcluir
  4. Felix-Poeta!
    Se todas as dores do mundo fossem convertidas em versos, teríamos infinitos livros para ler..., mas assim seja, pois além de ser uma maneira de reverter o sofrimento, também é uma ótima metáfora para superação através das palavras.
    Gostei bastante!

    Beijos e ótimo fim de semana!

    ResponderExcluir
  5. SILÊNCIO !!!!
    VENHO SILENCIOSAMENTE ESSA HORA DA MADRUGDA,DEVAGARINHO PARA NÃO ACORDAR MEU AMIGO...VEJO AS DORES EM VERSO TRANSFORMADAS EM SAUDADES POETICAMENTE.
    SABIA QUE ESCREVES COM A ALMA POÉTICA ,POR ISSO QUE TE TORNASTES UM SER GRANDIOSO NAS ESCRITAS.E EU FICOAQUI SÓ BABANDO,RSRSRS
    BJSSSSSSSSSSSSSSSSSSS

    ResponderExcluir
  6. Lindo poema. É nos momentos de dor que nascem os melhores textos.
    Bjos e bom fim de semana.

    http://www.soentrenosmulheres.co.cc/

    ResponderExcluir
  7. Olá, Felisberto!
    Transformar o sofrimento em versos pode atenuar a dor...e um dia, quando menos se espera, ela se cansa de nos atormentar e vai embora, deixando apenas os seus lindos poemas! Lindos como esse que você escreveu...

    Beijos e um ótimo sábado :)

    ResponderExcluir
  8. Para,para,para de escrever essas coisas lindas e românticas...
    Acabei de voltar...tua vidinha agora será só alegria e amor...\o/uhuuuuuu\o/...
    Me explica:Para que que tu és tão fabuloso no escrever e poetar???
    Se não for para mim...és um cara morto...ksksksksksksks...
    Falando sério:És DIVINO!!!
    Dá prazer passear por aqui!

    ResponderExcluir
  9. Bom dia, Felisberto! Teu poetar é dolorido, mas de uma suavidade que compensa a dor das palavras. Lindo poema!

    ResponderExcluir
  10. Olá,Lindo Dia-Poeta FELIZ-Grata por estar no Jardim do Amor.Sabe,também fico assim como em suas Doces Rimas,amor de poetas ,quando estão distantes ou em paralelas como eu.Parabéns.Gostei.Bjus\Flor*

    ResponderExcluir
  11. Muito obrigada pela informação que deu para o meu dedal da Hungria. Felisberto, nasceu com o dom da escrita, sem dúvida! Bom sábado.

    ResponderExcluir
  12. Oi amigo, agora sim arrumei minha lista de blogs, então, transformar a dor em versos, sempre renderá belos versos! Abraços e ótimo sabado!

    ResponderExcluir
  13. Oi Felis
    Eu já falei, não sei como um cara tão romântico como vc pode sofrer (kkkkkk), brincadeira, sei que é só poesia (ficção), seus versos são lindos, eu sou sua fã, vc sabe disso.
    Bjão e um ótimo fim de semana com chuva.

    ResponderExcluir
  14. Dor em poesia são os melhores!
    http://mardeletras2010.blogspot.com.br/2012/06/ad-aeternum.html

    ResponderExcluir
  15. Boa tarde Felis querido!!

    Devo te dizer que esse é um dos mais belos poemas que vc já escreveu!
    Gostei demais do estilo e formato em que você expressou os teus sentimentos.
    Logo no inicio, esses versos:
    "Eles estão contigo.
    E a dor comigo". - já transbordou poesia!

    Saudade de ti, as sementes preciosas não germinam sem a tua presença por lá...Queres que eu venha te arrebatar, é ?

    Beijos , poeta amado!

    ResponderExcluir
  16. Bom final de semana
    Agradecer aos amigos pela visita
    me deixa mais feliz, pq adoro ver
    tudo que de bom vc tem aqui.
    Deixo um abraço
    Desejando sempre o melhor
    Abraços
    Rita!!!!

    Muito jóinha esse Poema
    um luxo com certeza.

    ResponderExcluir
  17. Pegar a dor e escrever sobre, é um dom, lindo poema.

    ResponderExcluir
  18. Não é fácil falar da dor sem ser piegas, você conseguiu ! Ficou lindo e eloquente o seu poema. Obrigada por sua visita e comentário deixado no vias percorridas. Bom Domingo menino inteligente.

    ResponderExcluir
  19. As mãos ficam perfumadas???
    Então é por isso que não largas as minha mãozinhas????
    E eu que pensei que era porque querias carinho...buáááááá...
    Final de semana que seja QUENTE,pelo amor de DEUS...esse frio,NINGUÉM merece!!!!
    Beijão????
    Só se for de narizinho quente,pois o meu neste exato momento está(a pontinha)bem gelado...rsrsrsrs...

    ResponderExcluir
  20. A dor de um amor colocada em versos não é fácil mas você tira sempre de letra. Bonito poema como sempre meu amigo. Um bom domingo e até. Beijinhos.

    ResponderExcluir
  21. Felisberto, tudo bem?
    Rapaz, que poema forte hein!
    Forte como um grito de socorro... Muito belo, mas muito triste.

    Um abração amigo!

    ResponderExcluir
  22. OI Fe, antes de dormir vim te deixar muitos beijinhos de boa noite, bonito texto espero que um dia chega a sua amada e te ame como nunca. TA

    ResponderExcluir
  23. Lembrei de uma frase da personagem Manuela, da série A Casa das Sete Mulheres: "Eu gosto de escrever. E quem gosta de escrever nunca está sozinho"

    Transformamos a dor, a alegria, a tristeza, a felicidade, a saudade em versos, contos, histórias várias e nos desapegamos deles enquanto escrevemos... ou então os reelaboramos, transformamos... e, como fotografia, registramos esses momentos para sempre.
    Adorei o poema

    Abraços (no inverno é bom, esquenta, rsrsrs) e bom domingo!

    ResponderExcluir
  24. Oi, Felis, é lindo mas não é real, não é? Perder e esperar por quem se ama é muito triste...Um abraço!

    ResponderExcluir
  25. Oi Feliz(s)berto,

    É pra pegar, porque o que dissemos torna-se realidade e você é Feliz(s) até no nome. Dor passa, dor de amor dói, mas passa e vc sai na frete de todo mundo...é Feliz(s)berto. Seus versos são lindos, mesmo doloridos!

    Sempre te leio no Blog da Bia e em outros de amigos nossos, fiquei Feliz (sem berta) de te-lo em meu espaço.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  26. Tus letras se leen un poco melancólicas, pero no dejan de ser hermosas.
    Abrazos miles, bonito domingo!

    ResponderExcluir
  27. SILÊNCIO !!!!
    VENHO SILENCIOSAMENTE ESSA HORA DA MADRUGDA,DEVAGARINHO PARA NÃO ACORDAR MEU AMIGO...VEJO AS DORES EM VERSO TRANSFORMADAS EM SAUDADES POETICAMENTE.
    SABIA QUE ESCREVES COM A ALMA POÉTICA ,POR ISSO QUE TE TORNASTES UM SER GRANDIOSO NAS ESCRITAS.E EU FICO AQUI SÓ BABANDO,rsrs.Ela a escritora disse corretamente e concordo plenamente,tu és 10 em poesia,achei lindo, feliz. Sonhe com os anjos e que tenhas um lindo despertar.. Beijo com carinho.

    ResponderExcluir

Postar um comentário