Pequeno amargo doce

Pequeno amargo doce
Quando eu digo o seu nome
Eu choro
Lágrimas de amor
Inundam meus olhos
Minha alma
Fica cheia de tristeza
Um leva e trás de lembranças
Querendo voltar
A contemplar como você é.

Pequeno amargo doce
Quando eu digo o seu nome
Eu choro
Furacão de amor
Capaz de levar
O meu coração
Me tirando
O que foi meu
E o que não tive.

Pequeno amargo doce
Devolva me meu sorriso
Minha alegria
A luz das manhãs
Devolva me
O que numa noite
Me tirastes...

*
"Eu sei é um doce te amar, o amargo é querer-te para mim."
Marcelo Camelo

01 e 02/Novembro/2012 
Postagem Original 18/05/12
Imagem:Google

Comentários

  1. Muito bonito, Felisberto. Tanto o seu poema, quanto a frase do Marcelo. Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Felisberto, seria a posse desse amor o q torna amargo ou somos nós q necessitamos do amargo possuir e não nos contetamos com o doce sentir? Belo poema. Bom dinde e feriado. Abçs.

    ResponderExcluir
  3. Bom dia, Felisberto! É, ao mesmo tempo, terrível e maravilhoso quando nos encontramos assim, à mercê de alguém que pode, a qualquer momento, dar-nos e tirar-nos tudo. Lindo poema.

    ResponderExcluir
  4. E assim é o amor...um sentimento inconsequente,,,que por vez,,,doce,,,por outra,,,amargo...é como se atirar num precipício sem saber ao certo onde irá cair,,,abraços de bom dia e bom feriadão pra ti amigo..

    ResponderExcluir
  5. Lindo meu amigo as vezes é isso mesmo amargo doce.

    ResponderExcluir
  6. É o que se chama agridoce. Muito bonito poema! Bom feriado!!!!

    ResponderExcluir

  7. Olá Felisberto,

    O amor é sempre assim, né? Um misto de doçura e amargura.
    O poema é lindo e a frase do Marcelo fez com ele o casamento perfeito.

    Beijo e obrigada pelo carinho.

    Ótimo feriado.

    ResponderExcluir
  8. *。¨* ✫ ” ✫. ☽¨¯*。.☆¨*。¯`☆¸.✫˚¯`☆
    Passando para desejar um bom feriado
    e um final de semana cheio de muita luz
    Agradeço sempre sua amizade, e parabéns pelo
    que posta para agradar nossa alma
    Com esse doce , pequeno amargo
    Abraços com carinho
    Rita
    *。¨* ✫ ” ✫. ☽¨¯*。.☆¨*。¯`☆¸.✫˚¯`☆

    ResponderExcluir
  9. Incrível como tem palavra que mistura o amargo e doce em um momento só.
    Bjo no coração

    ResponderExcluir


  10. Palabras e ideas que brotan del techado como un susurro, siendo tan dulces que se asemejan a un beso...

    El que te emvío en este instante, para felicitarte el fin de semana y seguir cultivando en armonía la semilla de la cordialidad, que se alimenta del rocío de las estrellas…

    Atte.
    María Del Carmen





    ResponderExcluir
  11. OI FELIS!
    AMAR É "DOCE", MAS, QUANDO TENTAMOS POSSUIR O OBJETO DESTE AMOR, "AMARGAMOS" NOSSA EXISTÊNCIA E A DO OUTRO, POIS O AMOR SÓ SE EXPANDE EM LIBERDADE.
    LINDO TEU POEMA.
    ABRÇS
    zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderExcluir
  12. Olá, Felisberto.
    Infelizmente (ou felizmente), o amor é assim mesmo; estamos presos às memórias do quele foi, poderia ser e não foi, e sofremos a cada vez que pensamos nisso.
    Creio que isso faz parte do preço que pagamos por algo tão grandioso que é o amor.
    Abraço, Felisberto.

    ResponderExcluir
  13. Pequeno amargo doce
    Doce amargo pequeno
    Se o amor grande não fosse
    Que nunca seja veneno!

    Amor é alegria
    Amor é felicidade
    Amor é simpatia
    Amor é liberdade!

    Sem liberdade
    Não há amor
    Sem amor não há felicidade
    Não perfume sem flor!

    Boa noite para você,
    amigo Felisberto Júnior,
    um abraço
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  14. Boa tarde querido amigo Felisberto!
    Belíssimo poema...
    Felis, aproveito para lhe avisar que ainda hoje (assim espero) vou fazer um novo post e nele tem presente para você.
    Tenha dias felizes.
    Bjokas...da Bia!!!
    http://pequenosgrandespensantes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi Felis!
    É bem isso.
    O amor é doce, amargo quando se torna possessivo.

    Bjos

    ResponderExcluir
  16. Muito bom Felisão! Mais um belissimo e inspirado poema!

    Parabens meu amigo!

    ResponderExcluir
  17. Amigo lindo poema como sempre...e é assim o amargo , sempre pode ter seu ponto doce.
    Bjs, bom feriadão

    ResponderExcluir
  18. Eu sou mais chegado em algo agridoce...
    Doce demais é enjoativo e amargo, dispensável. rs.
    Parabéns pelo poema parceiro, desejo um feriado tranquilo (desejar um BOM feriado destes seria sarcasmo) e um bom final de semana.

    => CLIQUE => ESCRITOS LISÉRGICOS...

    ResponderExcluir
  19. Soy la persona más feliz del mundo
    cuando me dices "hola" o me sonries,
    porque se que,
    aunque haya sido por solo un segundo,
    has pensado en mi.

    (Anónimo)

    Hola Junior, bellas letras, agridulces como todo amor.
    Te dejo un fuerte abrazo, buen fin de semana!

    ResponderExcluir
  20. BELO ALVORECER AMIGO DESAPARECIDO !!!!!!
    rsrsrsrsrsrsrssrsr
    Mas sei quem está desaparecida sou eu !!!!
    Poema relutante entre o amar com doçura dentro desse amargo...lembrei-me da letra de uma música de Ney Matogrosso que diz assim ;
    " ...Beber o suco de muitas frutas
    O doce e o amargo
    Indistintamente
    Beber o possível..."

    Bjs de saudadesssssssssss!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  21. Muito bom esse poema:bela escolha. Amar assim...é amar de verdade!

    saudade de vir aqui...

    Um beijo em azul

    ResponderExcluir
  22. E o Amor é isso mesmo Felisberto!
    Um doce amargo, um amargo bem doce...

    Muito, muito bonito este seu poema!
    Bom final de semana
    Beijos com carinho
    Sónia

    ResponderExcluir
  23. Um belo dia de feriado pra ti meu amigo e bom final de semana...abraços...

    ResponderExcluir
  24. Abraços e um dia feliz
    Para meu poeta do coração
    Bjuss
    Rita!!!!

    ResponderExcluir
  25. É verdade, Jr... amar é uma doçura; e a possessividade é o lado amargo da história... beijos e lindo feriado.

    ResponderExcluir
  26. Olá, Felis!
    Não sei se por hoje eu estar sensível d+, mas sua poesia me emocionou muuuuito, sem falar que estou com o blog de Maria Lúcia aberto e ouvindo aquela música de fundo, imagina como estou???
    Pareço apaixonada! Na verdade estou, porém por mim mesma.
    Bjoks e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  27. ''Furacão de amor
    Capaz de levar
    O meu coração
    Me tirando
    O que foi meu
    E o que não tive''

    É amigo poeta apaixonado furacões acontecem, amei esse poema.
    Beijos! Fernanda Oliveira

    ResponderExcluir
  28. Big friend,

    Tudo bem? Fiquei pensando com a dor que deveria se pequena como as três letras que a compõe pode se tornar em uma imensa amargura.

    O seu texto como sempre comovendo e a frase de Marcelo envolvente.

    Bom final de semana e beijos.

    ResponderExcluir

Postar um comentário