(Des) Atento

  O que dizer? 
Eu ando muito sem parar,  entro ,faço, mas tudo é tão corrido.
 Há sim as que pedem atenção e as que vivem na base da troca, ou as vezes nada.
Parece que é sempre assim.
 Dessa vez parecia ser diferente. 
Eu  já tinha alcançado o seu coração.
 E lá parei para descansar. 
 Me acomodei e quando fui perceber já estava sendo pulsado para fora.
Eu sei que ainda estou no seu corpo. 
 Espero que tudo se renove, e eu volte. Não vou mais me distrair. 
Vou ficar atento. 
 As vezes o  amor  vai aparecer na sua vida e tirar tudo do lugar. 
Mas triste é ele aparecer e dizer adeus.
Por estar olhando para os pés e estar sempre desatento ao que acontece no coração...

Imagem:Google
29,30 e 31/Janeiro/2013

Comentários

Descer Página
  1. Oi FE dei corrida até aqui pra te dar um abraço! Gostei do poema!
    está lindo como os outros que você escreveu!

    ResponderExcluir
  2. Olá parceiro. Boa tarde.
    Geralmente quando pensamos que alguém agirá de outro modo que as outras pessoas que conhecemos, sempre acabamos nos surpreendendo e por mais que façamos algum esforço, generalizar torna-se a cada dia uma tarefa árdua. Parece que ultimamente anda todo mundo desatento e não somente na vida amorosa. Mas desatento às amizades, às dores alheias e a outras coisas que ao menos, deveriam ser consideradas de importância.
    Abraço.

    => CLIQUE => ESCRITOS LISÉRGICOS...

    ResponderExcluir
  3. Olá, Felisberto... e será que adianta a gente prestar atenção ao que acontece ao coração, já que não podemos comandá-lo? Quando o amor bate, ele bate, e pronto: estamos perdidos!

    ResponderExcluir
  4. Felisberto,
    Muito lindo...mas nada de estar desatento ao coração...

    Beijinhos

    Ana

    ResponderExcluir
  5. Olá amigo, um lindo poema, parabéns, eu concordo com o que o Christian disse, as pessoas andam muito desatentas e desatenciosas umas com as outras! Faltando mais cuidados! Abraçosss

    ResponderExcluir
  6. NORMAL ISSO DO SER HUMANOS SE PREOCUPAR TANTO COM TUDO E ESQUECER DAQUILO MAIS IMPORTANTE PQ COMO ESTÁ TÃO BOM, NOS ACOMODAMOS E NÃO DAMOS MAIS IMPORTÂNCIA, SÓ QUANDO PERDERMOS É QUE VEMOS O QUE NOS FALTA.

    ABRAÇOS DA PATTY.

    BYBY!

    ResponderExcluir
  7. Oi, Felisberto, a pressa é desaglutinadora, e hj ela tá em voga. Abçs.

    ResponderExcluir
  8. Oi Felis!

    Há sim as que pedem atenção,
    Como tbm há aquelaS que não dão essa atenção.
    E por estarem sempre desatentaS
    com o que acontece no coração...E se lixando para o que a outra pessoa sente,ao final muitos acabam percebendo tarde demais!

    Bjo

    ResponderExcluir
  9. Olá amiga Felisberto,saudades menino poeta. Gostei do seu poema!Quando puder me faça uma visitinha.
    Beijos! Fernanda Oliveira

    ResponderExcluir
  10. Oi Felis! O coração tem vontade própria, não adianta prestar atençã o...no máximo é regar todo dia com um dose de carinho.
    Bjo no coração meu lindo.

    ResponderExcluir
  11. BOA TARDE MEU MENINO GRANDE !!!!!
    UM OLHAR DE AMOR SEMPRE DEIXA BELEZA,ENTÃO NÃO PRECISAMOS ENTRAR EM DESALENTO,BASTA A COMPREENSÃO ...
    BJSSSSSSSSSSSSS

    ResponderExcluir
  12. Oi Felis, concordo contigo, mas as vêzes nem dando atenção demais conseguimos prender o amor de alguém. Bonito poema amigo. Um beijão e até mais.

    ResponderExcluir
  13. BELLO TEXTO. SIEMPRE GRANDES TUS SENTIMIENTOS.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  14. Oi Felis
    Ótimo texto, ficar desatento é um perigo, principalmente num relacionamento, falo por experiência própria!
    Bjos. Fique com Deus fofinho!

    ResponderExcluir
  15. Desatento ou atento
    Anda por aí muita gente
    Sofrendo do tormento
    De tanta coisa diferente!

    Tanta tristeza
    Tanta dor
    Tanta beleza
    Tanta gente sem amor!

    Neste mundo de pavor
    Muito gente a sofrer
    Poluição e terror
    O planeta a aquecer!

    Desejo boa noite para você,
    amigo Felisberto Júnior,
    um abraço
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  16. Estou a procura de novos blogs, estou seguindo, achei seu mundo uma graça! *-*
    Fique com Deus, e retribua se quiser:
    http://maybe-i-smiled.blogspot.com.br/
    http://dicionario-feminino.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. É verdade, Ju, é melhor o amor tirar tudo do lugar do que aparecer e dizer adeus... lindo poema. beijos

    ResponderExcluir

  18. Oi Felis,

    Em matéria de amor não cabe distração ou acomodação. As coisas do coração merecem um cuidado especial.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  19. Temos que prestar atenção no coração, mas é pena que o coração muitas vezes não presta tenção na gente. Belo poema, Felis. Abraçossss

    ResponderExcluir
  20. O amor tem que está em primeiro lugar em nossa vida, mesmo com a vida corrida,o coração vem primeiro lugar. Felisberto lá no blog tem post novo se você quiser dá uma passadinha lá pra conferir é só clicar no link abaixo, fique com Deus beijos.
    http://lucimarestreladamanha.blogspot.com.br/2013/01/cuidados-em-lugares-publicos.html

    ResponderExcluir
  21. E essa vida corrida nos faz assim,,,desatentos...mas muitas vezes também,,nem temos muito ao que olhar...abraços e um belo dia pra ti amigo.

    ResponderExcluir
  22. Bom dia Felis.
    Para que o Amor
    permaneça ao nosso
    lado, é preciso que
    estejamos sempre Atentos.
    Mas a vida anda tão corrida,
    que estar desatento virou fato.
    Mas mesmo assim, eu estou sempre
    aqui e bem Atenta viu?
    Bjinhos Atenciosos!

    ResponderExcluir
  23. Júnior,

    estar atento em certos momentos é tudo, mas isso deve ser consequência natural àquilo que nos tem valor. Gr. Bj.! 引続き注目し、幸せになる !

    ResponderExcluir
  24. Meu poeta se for pra correr para
    o amor que seja assim mesmo, e vamos
    ficar atentos para tudo, mais um que gostei para minha coleção de poemas
    Abraços com todo meu carinho
    Rita!!!!

    ResponderExcluir
  25. É Felisberto... o coração pode ser muito 'escorregadio' ;-)

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
  26. Olá Felisberto tudo bem?
    Como vai a vida?
    E assim que tudo funciona nessa vida corrida, sem tempo pra nada se não cuidarmos do que temos vamos perde-lo. Agora tenta equilibra tudo isso(sentimentos e obrigações), humanamente impossível.
    Bj

    ResponderExcluir
  27. Seus textos sao sempre otimos
    tenha uma otima quinta feira lindo
    beijoos

    ResponderExcluir
  28. Boa Noite Querido.
    o coração infelizmente é muito estranho .
    Quantas vezes somos expulsos de dentro do coração não só de um grande amor até mesmo uma amizade que jamais imaginamos perder.
    A verdade é cada coração tem um jeitinho peculiar de nos fazer sofrer.
    Lindo embora triste seu poema.
    Linda seja sua noite meu amigo beijos,Evanir.

    ResponderExcluir
  29. Às vezes é preciso parar e se permitir a degustar a si mesmo.

    Abraço

    ResponderExcluir


  30. Me gustaría ser una gota de lluvia,
    Para nacer al borde de unos bellos ojos
    derramarme por la luz de las mejillas
    y romperme en la silueta de los labios,
    para iluminarte con una sonrisa cada mañana.

    ¡¡Un feliz y radiante fin de semana te deseo!!

    Atte.
    María Del Carmen


    ResponderExcluir
  31. No hay cosa mas triste que seguir amando a una persona que dejo de amarte. El corazon llora tanto....
    ..
    Un beso de luz.
    Maria

    ResponderExcluir
  32. Um belo dia pra ti meu amigo,,,abraços.

    ResponderExcluir
  33. Olá jovem poeta, passei para conhecer seu blog. Parabéns, seu espaço é mesmo de primeira qualidade.

    ResponderExcluir
  34. Felix,
    ficamos desatentos quando temos um amor, mas também quando o perdemos..., um dos males do coração, a desatenção e o desassossego. Tem remédio para isso?
    Beijos!

    ResponderExcluir
  35. Um bom sábado pra ti meu amigo,,,abraços.

    ResponderExcluir
  36. Estamos sujeitos a tudo querido amigo, muitas vezes esperamos das pessoas o mesmo tratamento que damos, leve engano, nem sempre a pessoa esta atenta ao que precisamos e sentimos. Penso as vezes que esta faltando amor, pois o individualismo esta reinando sobre a terra.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  37. Oi Felis,
    "As vezes o amor vai aparecer na sua vida e tirar tudo do lugar.
    Mas triste é ele aparecer e dizer adeus.
    Por estar olhando para os pés e estar sempre desatento ao que acontece no coração..."

    Depois dessa só me resta dizer:maravilhoso!
    abraço =)

    ResponderExcluir
  38. A vida é assim um dia oferecemos nosso amor , conseguimos entrar no coracao da pessoa e um dia o amor pode acabar simples e tragico assim lindo poema.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Subir Página