Acordado e sonhando

Acordado e sonhando.
É assim que me transformo em dois.
Definitivamente dois. Dois em um.
O que pareceria um desvario que beira a loucura, em silêncio me soa como um devaneio efêmero.
Ou, pelo menos, se não fosse assim não terminaria  numa cama de quarto vazio de som, lençóis sem manchas e um amor que está , mas é ausente.
E a sensação de realidade que marca o que separa os dois mundos, fica procurando refúgio
na esperança de que sua presença é a única que eu quero sentir por perto.

Mas acordo somente com a minha incompletude.
Dado que nem um, nem outro, saberá da existência do outro, nem do um.
E se tudo ainda é tão real para mim quero sonhar novamente , e de olhos abertos ...


Imagem:Google
16, 17 e 18/Março/2013

Comentários

  1. Boa tarde amigo Felis que lindo poema.
    Mesmo que em meu coração senti uma tristeza...
    De que um amor tão intenso, não possa ser vivenciado...
    Beijos!

    Fernanda Oliveira

    ResponderExcluir
  2. Acordado e sonhando
    me transformei numa flor
    pelo caminho ia andando
    encontrei o meu amor!

    Foi uma loucura sem fim
    quando acordei era um sonho
    não era flor, nem estava no jardim
    fiquei desiludido e tristonho!

    Os sonhos são mesmo assim
    nada há a fazer
    continua seu sonho até ao fim
    o melhor pode acontecer!

    Bom fim de semana para você,
    amigo Felisberto Júnior.
    Um abraço. Eduardo.

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Essa dualidade quando sonhamos, nos transporta pra junto do objeto desejado(amado), é bom sentir isso.

    ResponderExcluir
  4. Boa tarde querido amigo Felis!!!
    E sonhar é sempre bom. Mas conforme o sonho queremos eles no real...
    E que seu domingo seja repleto de amor e alegria.
    Abraços da Bia!!!

    ResponderExcluir
  5. Puxa Felisão, parabens meu amigo!
    Lindo poema! Realmente a realidade e o sonho tem que caminhar dentro da gente.

    Parabens!

    ResponderExcluir
  6. Mas é tão bom acordar e poder continuar sonhando...Beijos, bom domingo prá ti Felis.

    ResponderExcluir
  7. Adorei esse poema, tão bonito e tão triste ao mesmo tempo!
    Lembra-te sempre: impossível é apenas uma palavra, por isso nunca desistas dos teus sonhos :3

    Abraço :)

    ResponderExcluir
  8. Belissimo poema. Que os sonhos de amor sejam eternos.
    Bom fim de semana
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  9. É bom sonhar sem dormir.
    E isso é ser inteiro.

    OBS: Estou esperando um texto seu prá biblioteca...

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
  10. Olá, Felisberto.
    Creio que, quando amamos, passamos a sonhar um mundo apenas nosso e da pessoa amada, e sofremos por sabermos que esse mundo pode vir a jamais existir.
    Apesar de passarmos por isso, ainda é melhor vivermos uma ilusão de felicidade do que felicidade alguma.
    Abraço e bom final de semana pra ti, Felisberto.

    ResponderExcluir
  11. Você escreve muito bem,seus poemas me fazem refletir e eu gosto disso...

    ResponderExcluir
  12. Felisberto meu amigo, a correria tem me impedido de visitar os blogs parceiro com uma frequência maior, infelizmente, mas ainda que de forma tão escassa, continuo passando para uma visita...

    Gostei muito do poema, eu também sou desses, que sonha acordado e que prefere a irrealidade do devaneio à realidade...

    ResponderExcluir
  13. Boa noite Felisberto!
    Tudo bem?
    É assim que funciona os sonhos são a melhor e a pior coisa do mundo. Depende da forma de como você encara o sonho.
    Bj

    ResponderExcluir
  14. hola me alegro que dictes las cosas con esa manera tan brillante buen saludo y buen domingo

    ResponderExcluir
  15. "O que pareceria um desvario que beira a loucura, em silêncio me soa como um devaneio efêmero.
    Ou, pelo menos, se não fosse assim não terminaria numa cama de quarto vazio."

    :(

    Lindo.

    Bjo,

    Naty

    http://borderline-girl.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. A presença de quem está ausente nem sempre é irreal. Mente e coração a constroem nesses devaneios, nesse sonho de olhos abertos. É que o sentimento não sabe o que é dormir, quando existe. Muito lindo! Bjs.

    ResponderExcluir
  17. Olá,Bom dia.
    Lindo o seu poema.
    A vida, é esse tecer de sugestões.
    Tenhas um domingo agradável.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  18. Olá Felisberto!
    Tudo bom?
    E no fim o que nos salva de tudo são os sonhos que temos e trazemos firmes em nossa vida. Lindo texto.

    Desculpa a demora em aparecer. Estava com a mão imobilizada, então tive que dar um tempo no pc. ^^

    Um grande abraço e uma ótima semana.

    ResponderExcluir
  19. Olá, Felisberto. Veio-me uma letra de uma velha canção do Creed, Higher: "Quando sonho, sou guiado a um outro mundo repetidas vezes./ Ao nascer do sol, eu luto para ficar adormecido/ Pois não quero perder o conforto daquele lugar/ Pois há uma fome, um desejo de escapar / da vida que vivo quando estou acordado./ Então vamos lá, vamos escapar , vamos lá, vamos perguntar se podemos ficar / Pode me levar mais alto, / Ao lugar onde os homens cegos enxergam? / Pode me levar mais alto, ao lugar com ruas douradas? "

    ResponderExcluir
  20. Bom Domingo Fe. Eu tambem quero viver ou sonhar este sonho. Mil bjus.

    ResponderExcluir
  21. FElis, precisei ler duas vezes para compreender....gosto quando o escritor escreve de um jeito tão profundo, usa tão bem as palavras que nos deixa a pensar. Esse texto foi assim. Fico pensando entre a realidade e o sonho, até que ponto devemos encarar a realidade de estar só e acompanhado por dentro ou sonhar que essa companhia faz parte mesmo do nosso dia a dia. Ainda acho que o sonho é o que nos salva da amargura. Adorei, um abraço!

    ResponderExcluir
  22. Gosto dos sonhos com olhos abertos.
    Muito bonito, Felisberto.

    Um bom domingo.
    Deixo um beijo com carinho

    Sónia

    ResponderExcluir
  23. Oi Felis
    Lindo! Adoro sonhar acordada kkkkkkk.
    Não tinha como não te citar na comemoração de um ano do meu blog, vc é um amigo querido e fofinho kkkkkk, que me acompanhou desde o início, vc me ensinou a gostar de poesia.
    Bjos.

    ResponderExcluir
  24. As vezes é bom sonhar acordado, Ju. lindo poema. beijos e lindo domingo.

    ResponderExcluir

  25. Oi Felisberto!
    Eu estou bem..apesar do cansaço que me acompanha...rs
    E vc? tudo nos conformes por aí?
    Eu sempre me surpreendo com sua habilidade e criatividade constante para escrever tão belos poemas..parabéns!
    Olha nem me fale..antes eu conseguia mesmo com o tempo corrido, cuidar do blog corretamente e etc..mas de uns meses para cá meu trampo começou a ficar tão maçante e irritante que no meu tempo livre eu estou realmente um bagaço. E acabo tentanto descansar um pouco. O resultado? Postagens mais demoradas...
    Os cadernos personalizados estão indo aos poucos...é algo que gosto muito de fazer, espero que as pessoas apreciem =D. Você poderia solicitar um também hohohoh.
    Assim como eu, a Yumiko também está numa correria danada...precisamos relaxar e começa a escrever rs.
    bjs!!

    ResponderExcluir
  26. Querido Amigo!

    É assim que sou, é assim que vivo, entre dois mundos, ou em ambos ao mesmo tempo! Eu preciso disso. É como um alimento para a alma.

    Beijos

    ResponderExcluir
  27. Se a tristeza vier por qualquer motivo,
    Evite as sombras que ficaram para trás,
    olhe o caminho a sua frente e siga sempre.
    Assopre o pensamento triste,
    deixe escorrer a última lágrima,
    vá até o final do poço, mas volte renovado.
    Então respire fundo tirando da
    natureza a energia para elevar sua alma.
    E a paz que você procura será encontrada dentro de
    você onde DEUS deixou um pedacinho de si.
    Uma semana na graça e na paz de Jesus.
    Beijos no coração carinhos na sua alma.
    Evanir..Minha mensagem com muito Amor

    ResponderExcluir
  28. Felisberto ,
    Sonhar acordado ...
    Belo poema .
    Parabéns .
    Beijos e boa semana

    ResponderExcluir
  29. Olá querido amigo, peço desculpas pela demora da visita.Probleminhas.
    Que sonho lindo,um sonho bem intenso onde ao acordar sente que realmente aconteceu, era real? o sonho nos transporta para onde queremos realmente estar e viver. O bom é que fica aquela sensação boa uma boa parte do tempo.
    Amigo querido uma maravilhosa semana cheia de sonhos bons e reais.
    Boa noite. Beijos.

    ResponderExcluir
  30. EU FAÇO ISSO DIRETO SABIA??
    NOSSA, COMO SONHO ACORDADA.

    MAS COMO VC DESCREVE ISSO, É MTO LINDO E DOCE.

    BJS GRANDE E AGRADECENDO TODO O SEU CARINHO PRA MIM.

    BJS!

    PATTY.

    ResponderExcluir

  31. Olá Felisberto,

    Tão bom quanto sonhar dormindo e sonhar acordado. O sonho alimenta nossa alma, seja noite, seja dia.


    Beijo.

    ResponderExcluir
  32. Dura realidade essa, amigo Felisberto, a realização do sonho. Concordo com a Bia. Abçs. E uma semana de alegria e sonhos.

    ResponderExcluir
  33. Boa tarde meu menino grande !!!!
    Bonito é quando temos tempo pra sonhar,construir sonhos ficaram pra poucos...mas vejo que vc é um eterno sonhador...nos mostra nas tuas escritas que sempre estás em busca desses sonhos para que se façam realidades...te admiro assim de montãooooooooooooooooooooooo
    bjsssssssssssss

    ResponderExcluir
  34. Ojalá ese sueño se transforme en realidad, un placer pasar a leerte Junior.
    Te dejo un fuerte abrazo!

    ResponderExcluir
  35. Oi Felisberto. A arrumação das palavras tem de trazer, necessariamente, a construção de sintagmas lógicos e verdadeiros. Do contrário será falácia! Mas a poesia subverte a lógica e o que sobra, se for mesmo poesia, é aquela beleza que todo mundo já viveu e que só o poeta pode traduzir. Quem ainda não se viu bipartido entre o sonho e a realidade, entre o amor e o vazio, entre o possível e a solidão? O uno dividido? Dois em um? A dicotomia humana, assim como a insanidade, não tem limites. Ainda bem! Abraços!

    ResponderExcluir

Postar um comentário