Acredito

E as coisas acabaram assim.
Prometemos um ao outro que nos esqueceríamos. Combinamos que não sentiríamos falta.  Mas, agora, eu me pego tentando entender por que eu concordei em te deixar ir.  Na hora eu não senti nada, sei lá, fiquei te olhando e deixei  ir embora, mas  quando olhei de novo e não a vi mais, eu senti que já era tarde demais, que  tinha te perdido.
Nós não daríamos certo, eu sei. Até encontrei uma garota que  me liga todas as noites antes de dormir, e todos os dias me chama para sair.  Mas ela não é você.  
E, tudo bem...
E, hoje, estamos aqui, frente a frente, sem saber o que fazer com nossas mãos. Minhas mãos estão tremendo. Queria poder voar agora mesmo para os seus braços. Onde nos descobrimos e nos perdemos. 
E mesmo você tendo desistido de mim, eu acredito em nós.

Acredito... 
Imagem:Google
05, 06 e 07/Junho/2013

Comentários

  1. Que belo e instigante poema, Felis!!

    Na verdade, relações mal resolvidas nunca terminam. O tempo, a vida, trará convite pra o ajustamento, por isso é preciso acreditar no plural, porque no singular é se condenar à solidão!

    Que bom que voltou. Que bom mesmo!

    Beijos da Lu...

    ResponderExcluir
  2. Que lindo amigo!
    Devemos sempre acreditar no amor. o ponto onde nada se perde. E se perde, um dia certamente se acha!

    Bom demais te ver aqui com a mesma e linda inspiraçao de sempre!

    Beijos com carinho!

    ResponderExcluir
  3. Olá querido amigo
    Que lindo e comovente. O que manda no momento é o coração e a tal da razão as vezes atrapalha. Não podemos ficar imaginando o futuro senão viver o presente, fazer o que se sente vontade nem que seja para mais uma vez se decepcionar e aprender. Acredito em recomeços se ver que vale a pena lutar mais uma vez.
    Obrigada amigo pela visita.
    Se cuide e boa recuperação.
    Fique com Deus.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Boa noite FElis, td bm?
    Olha aqui tua Amiganja
    sumida de volta.
    Ah, se pudesse te contar...
    Mas enfim, estou aqui para
    te ler e comentar.
    Acredito que quando se ama,
    fazemos loucuras para manter
    esse amor por perto, mas se um
    dia se vai, pronto, sofremos.
    Sdds de te ler...vou e volto ok?
    Beijinhos já sem saudade...rsrs

    ResponderExcluir
  5. Oi feliz(..)Sempre acreditamos que haverá o amanhã para corrigir um descuido,, para ter uma segunda chance de acertar.O amanhã não é garantido para ninguém,de abraçarmos aqueles que amamos.Então ame, lute pelo seu amor e aki estou torcendo por você..Abra seu coração
    Veja o tesouro que existe dentro de você.Divida-o com a pessoa amada e seja feliz*** Bjos com carinho.

    ResponderExcluir
  6. Insistir em um relacionamento onde o outro não compartilha do mesmo sentimento é perpetuar a dor. Às vezes temos medo de desmanchar um relacionamento por causa do sofrimento da perda, mas não percebemos q o sofrimento maior é insistir nesse mesmo relacionamento. Abçs.

    ResponderExcluir


  7. A ti que estás leyendo esto, te dejo las siguientes menciones...
    Que tengas un fin de semana colmado de bendiciones,
    para que tu corazón siga siendo un vergel de emociones.

    Que a donde mires veas amor, siendo un toque de esperanza
    y hacía donde camines encuentres la felicidad con templanza.

    Esta que te quiere
    y nunca te interfiere...
    Atte.
    María Del Carmen




    ResponderExcluir
  8. Olá, bom dia, querido Felis!

    Você, ou melhor, seu "eu-lírico" não é o primeiro a falar, desse jeito, nem será o último.

    Sabemos que tudo terminou, e que ele/a não era "sapato" para nosso pé, mas continuamos desejando, acreditando.

    E LEMBRAMOS DE TUDO...! Tanta dor e tanto amor!

    Não conseguimos compreender o coração e a razão, simultaneamente.

    Contudo, eu acho que há sempre, um amor melhor, o último.

    Gosto muito da sua prosa. Perfeita, real e envolvente,


    ACREDITE!

    Um harmonioso dia, com paz interior e exterior.

    Beijos carinhosos da Luz.

    ResponderExcluir
  9. Carambas muito lindo.... tão perfeito quanto o comentario da centelha luminosa, mas é a vida, bola pra frente, que o melhor está por vir, xeiro... saudades, mas ja estou de volta!
    Se cuida
    Bjoks da Ly

    ResponderExcluir
  10. Não sou do tipo q promete mas sou radical qto ao tipo q acredita!

    beijão

    ResponderExcluir
  11. Por vezes só damos conta do valor de algo ou de alguém, depois de o perdermos...
    Essa de prometer que vamos esquecer alguém, nem parece teu Felis! como é possível que possamos esquecer alguém que nos marcou? alguém que nos fez feliz? Esquecer, apagar algo assim de nossa mente, de nosso coração, de nossa alma, é algo que eu acho está acima das nossas capacidades enquanto seres humanos. não somos máquinas em que basta apertar um botão e já está...

    Espero que tenhas aprendido com esse erro e que possas rememdiar. lembra-te sempre: há tempo para tudo, enquanto estamos vivos.

    Abração grande meu carinho!

    ResponderExcluir
  12. O interessante de toda relação é viver o recomeço,quando um acredita é porque não terminou.Bjss



    ResponderExcluir
  13. Olá Felis!!!

    '' Até encontrei uma garota que me liga todas as noites antes de dormir, e todos os dias me chama para sair. Mas ela não é você...''

    Isso acontece porque quando amamos alguém queremos só ela, e pode ter outras a nossa volta, mas os olhos do nosso coração só enxerga uma. A nossa amada ou o nosso amado.

    Amei seu texto...
    Você arrasou mais uma vez!
    Beijos de sua amiga Fê!

    ResponderExcluir
  14. Olá, Felisberto. Quem dera que pudéssemos voltar atrás em todos os nossos erros! mas alguns dá pra consertar. Lindo texto! Abraços.

    ResponderExcluir
  15. Olá!!!, Deus te abençoe, o seu blog é maravilhoso o post esta um A R R A S O, amei sucesso
    Já estou te seguindo OBRIGADO PELA VISITA.Aguardando retribuição.
    Curta e participe do meu blog, fan Page, twitter , instragam e canal do youtube.
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oi meu amigo Poeta Felis...Desejo muito que você esteja recuperado...Que lindo poema, como sempre né.No amor vale tudo,ir atras, tentar, não deixar passar qualquer que seja a oportunidade de dizer Eu Te Amo novamente...Só devemos nos arrepender do que não foi feito, se ainda há amor tudo vale...
    Levei o seu link lá para o blog...
    Beijos com muito carinho ღ˘◡˘ღ
    Marilene

    ResponderExcluir

  17. Olá querido,

    Quando o amor persiste, promessas de esquecimento são vãs. Havendo oportunidade de reencontro, vale acreditar, investir e viver este amor.

    Seu romantismo encanta.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  18. Caro Felisberto

    A vida tem destas coisas, vejamos assim depois de ler e pensar; " atrás de mim virá, quem bom de mim fará".
    Um grade abraço

    ResponderExcluir
  19. Olá Felisberto! Tudo bem?
    Que linda poesia, como sempre. Que vida triste continuar amando alguém desta forma.
    Bj

    ResponderExcluir
  20. Olá Felis
    Sempre haverá uma nova oportunidade, o importante é não perder a esperança.
    Bjux

    ResponderExcluir
  21. A esperança não deve sumir... por isso, é bom acreditar... lindo texto, Ju... beijos

    ResponderExcluir
  22. O amor inesquecível dificilmente é curado por outra pessoa. Ele fica msm. Lindo texto, Felis. abraços.

    ResponderExcluir
  23. Ae Felis daria para musicar alguns trechos. Comentou no meu blog que já tentou violão, mas tem outros instrumentos, é tranquilo e quem já é artista no sangue, como você, tem ainda mais facilidade. Abraços!

    ResponderExcluir
  24. Boa noite Felis!!!
    Então o melhor é darmos valor no que temos e sabermos respeitar as diferenças...
    Adorei!!!
    Desejo uma noite feliz e abençoada!!!
    Bjokas...da Bia!!!

    ResponderExcluir
  25. Olá, amigo. Vc é maravilhoso! Sabe expressar, falar de amor como ninguém. Amor vem, amor vai e vida segue. Sonhar e acreditar sempre e viver cada momento! Bjos.

    ResponderExcluir
  26. Lindo. Eu acredito naquela frase "deixa ir, se não voltar, é porque nunca foi seu"
    Mas antes de deixar ir, é preciso acreditar, não desistir e tentar sempre. Quando não tem que ser a gente sabe. ótimo fds :*

    Coruja Essência

    ResponderExcluir
  27. Estava sentindo sua falta. espero que agora você esteja bem e recuperado! É bom maneirar aí com a rotina na velocidade da luz. Aproveita pra descansar e escrever pra nós, é claro rs...
    Também fazia certo tempo que eu não logava e foi bom ler notícias suas.

    O seu texto ficou lindo, imaginei aqui o casal e tudo. Sabe aquela música da Ana Carolina, chamada "Aqui"? Para quem está na situação, não acho música melhor para acompanhar e ler esse seu texto lindo =)

    =* beijossss

    ResponderExcluir
  28. Olá amigo! Como saber que não daria certo? Quem sabe o futuro? Como prever que ambos continuariam os mesmos? A incerteza domina quando o mal-resolvido se estabelece e você descreveu com maestria este momento.
    Soube que esteva doente por minha irmã Rita. Espero que já tenha se recuperado.
    Um abraço e tenha bons dias!

    ResponderExcluir
  29. Felix-Poeta!
    Voltei!
    Agora consigo comentar... :)

    Pois é, penso que existem relações que era melhor não terem acabado, e sim, que as pessoas tentassem resolver suas pendências, quem sabe, resolvendo as dúvidas e colocando exclamações onde só existem reticências.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  30. Bom dia, Felis. Acreditar no amor, na pessoa a quem se ama, que um dia poderá dar certo, não vejo mal algum.
    Só espero que não sofras, é muito ruim quando sente que realmente não tem como existir a relação e a insistência é a companheira.
    Ficar por ficar com alguém, não é a solução mesmo.
    O ideal é deixar o nosso coração aberto ao amor.
    Desejo sorte para você.
    Tenha um dia feliz e abençoado!

    ResponderExcluir
  31. Acreditemos fortemente com positivismo e alegria. Fe e esperanca movem montanhas, no? :)
    Um grande abraco e um agradable fim de semana!

    ResponderExcluir
  32. Felisberto ,

    Seu texto é de um lirismo e melancolia que nos emociona , amigo .
    Vou me socorrer das palavras de Lya Luft : (...) " A esperança me chama e eu salto a bordo como se fosse a primeira viagem .(...)quase sempre acredito ando de olhos fechados ( ...)muitas vezes saio ferida ou quase afogada mas não desisto . A dor eventual é o preço da vida : passagem , seguro e pedágio ."
    Tenha um excelente final de semana.
    Beijos

    ResponderExcluir
  33. Olá Felisberto! Espero que vai tudo andando ao seu ritmo.
    O sujeito poético tem uma separação difícil mas deve-se acreditar sempre no amor.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  34. Olá, Felis.
    A vida, tem por rotina nos tecer incertezas. E diante dessas incertezas, é que alimentamos os nossos sonhos e quimeras.
    Belíssima, a sua prosa.
    Estou cá, para desejar-te, um fim de semana muito bom.
    Abraços, querido.

    ResponderExcluir
  35. Feliz,

    Tem um carinha que me liga sempre, mas ele não é quem eu gostaria que fosse, um outro alguem.

    Coisas da vida.

    Beijos

    ResponderExcluir
  36. Amigo lindo,

    Tudo bem? Saudades! O poema é lindo e nos faz desejar aumentar a crença em dias melhores, principalmente quando há dor no fim.

    Beijos.

    ResponderExcluir

Postar um comentário