Quando o sol bate na janela

(...) gosto de estar ali.Gosto de continuar ali.
Estaciono na janela , desço os olhos e atravesso a rua em direção ao horizonte.

Ainda é cedo, o sol ainda não acordou o suficiente para aquecer o chão de forma dourada, mas há uma brisa, que, lentamente, faz as folhas se moverem, em ordem, todas na mesma direção.
Está tudo tão calmo. Tão fresco. Tão simples.


E quando o sol bate na janela ,de mãos dadas com os pensamentos que me ocupam a mente, entro em um estado de transe, que logo me envolve e me leva ao passado como se tudo fosse real novamente.
Então tudo reaparece para me mostrar que os momentos intensos de amor jamais desaparecerão de minha vida.

Não sei se sinto saudades, talvez queira chorar ou dar um leve sorriso.
Mas a verdade é que tudo isso não passa de uma lembrança que veio como um vento para sussurrar as letras
do teu nome...simplesmente...

Gosto de estar ali, gosto de continuar ali...
Na simplicidade extrema que é o de acordar e ficar na janela.

Talvez um dia seja tudo o resto mais simples do que isso ...

۶Observando o seu lindo sorriso e já extasiado, arrebatado, enlevado, eu a beijei como jamais beijara antes.۶
Na vida temos muitas memórias  e nela encontramos as lembranças prazerosas. E são nesses pensamentos que notamos o quanto ter vivido   expressando os sentimentos e atos de amor fez com que cada  momento  se tornasse inesquecível... 

 

Comentários

Descer Página
  1. Lindo texto Felis... é verdade acho que a lembrança foi feita justamente para estes momentos... para podermos voltar no tempo e viver novamente coisas tão belas...
    Beijo e ótimo restinho de segunda :)

    ResponderExcluir
  2. Ah e muito obrigada pelo seu comentário no blog da Gabrielly, obrigada por participar do post.
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Quando fica o amor,tudo nos inspira.
    O sol,a lua as estrelas,mesmo sabendo que o amor está distante
    dos nossos olhos,sabemos que está próximo ao coração.
    Muito lindo Felis!
    Um ótimo começo de semana.
    bjs
    Carmen Lúcia-mamymilu

    ResponderExcluir
  4. Oi Felisberto, o horizonte é algo para se guardar no coração.
    Fazer o que se gosta é ótima, a simplicidade da vida é bela.
    Abraços e boa semana!

    ResponderExcluir
  5. Olá, Felisberto.
    Belo poema; creio que a saudade é uma destas coisas que, por mais que queiramos, jamais poderemos controlar, e é esse tipo de coisa que faz com que sejamos humanos no modo de viver, sentir e pensar.
    Abraço, Felisberto.

    ResponderExcluir
  6. Simplesmente inesquecível, em todos os sentidos Felis: o seu momento em apreciar a beleza dourada pela fresta da persiana e a sua poesia... que lindos!
    Poesia toda iluminada, como se ela fosse o sol: entrando devagarinho e deixando o seu suave calor em nós!
    Os seus versos fazem o mesmo! Chegam de mansinho, mas a medida que progredimos na leitura, vamos ficando mais aquecidos com o calor das palavras!!
    Obriga amigo, quando vi a imagem do seu post lá no feed de atualizações dos blogs em meu cantinho, vim aqui bem depressinha! Amei!!

    Beijos e uma semana incrível ok?
    Até mais!! :))))

    ResponderExcluir
  7. Felis, que lindo isso, amar é mesmo a inspiração da vida, tens o dom de tocar nisso de forma linda, ah, como amo ver o Sol nascer, parece vermelho, rapidamente fica laranja, vai subindo com a rapidez do nosso desejo de vê-lo todo dourado, aí vai aquecendo tudo, abrangendo tudo em uma luz maravilhosa!
    Abraços meu amigo poeta querido!

    ResponderExcluir
  8. Essa luz intensa que nos chama para a vida é portadora de renovadas intenções e, ao mesmo tempo em que clareia lembranças, não as descrimina entre doídas ou alegres, apenas as acorda, porém, acordar é "dar a vida."
    Luminosos dias para vc, amigo-poeta.
    Abraço,
    Calu

    ResponderExcluir


  9. Si en algún momento la melancolía
    llama a nuestra ventana recordemos:
    que siempre habrá un pájaro que nos cante,
    un niño que nos sonría y una mariposa
    que nos brinde su belleza…
    …y el paisaje cambiará de color.

    ¡¡Feliz mes del amor y la amistad!!

    En "Mis caricias del alma" he dejado unos presentes,
    si te apetece verlos por si alguno te pudiera encajar,
    lo dejo en tus manos. Gracias!!


    Un abrazo
    con el rocío del afecto.


    Atte.
    María del Carmen


    ResponderExcluir
  10. Olá, amigo Felis
    Meu cenário tem um tico do seu... fico na lateral... a escrevinhar... o sol me espreita... inspira também...
    Feliz escritos e iluminados também...
    Bjs fraternos

    ResponderExcluir
  11. Los recuerdos afloran en la memoria y si son gratos nos invaden de felicidad nuevamente.
    Preciosas letras Junior, te deseo un buen comienzo de semana, besos!!!

    ResponderExcluir
  12. Que doçura de prosa, viajar nas lembranças traz o momento vivido, delícia!

    bjão!

    ResponderExcluir
  13. Realmente, existem coisas que acontecem e deixam marcas que valem a pena serem lembradas. belo texto. Parabéns!

    Abraços,

    Furtado.

    ResponderExcluir
  14. Realmente, existem acontecimentos que deixam marcas e que valem a pena serem lembrados. Belo texto. Parabéns!

    Abraços,

    Furtado.

    ResponderExcluir
  15. Bom dia querido amigo! Graça e paz!
    Texto lindo, degustante, bom demais!
    É gostoso deixar as boas lembranças fluírem no pensamento.
    Amei a foto e o texto, como sempre vc arrasa!

    Beijos, sucessos sempre!
    Andréa

    ResponderExcluir
  16. Amanhecer lendo coisas bonitas é
    divino meu poeta lindo
    Saõ belas palavras e ver o sol pela janela
    não tem nada de mais belo..é ela que brilha
    é ele quem vem iluminando então que seja
    bem vindo deixando marcas em nós


    Abraços com carinho!

    └──●► *Rita!!

    ResponderExcluir
  17. Toda as inspiração se realizam das coisas mais simples que a natureza nos oferece. É mágico...!
    Ps. As atribulações profissionais não está deixando muita folga, por isso a demora.
    Abraço

    ResponderExcluir
  18. oi Felis

    A escolha de um lugar, de um cheiro, uma peça de roupa ajudam a amenizar a sdd, e qdo as memória voltam a gente quer viver cada fato novamente.
    Fato esse vivo em nossa memória, isso nem o tempo pode roubar...

    tenha um lindo dia =)

    ResponderExcluir
  19. Muito bonito amigo.
    A vida sem sol é muito triste, e sem amor é uma calamidade.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  20. Oi Felis
    Suas lembranças e memórias sempre encantam.
    Uma linda semana
    Abçs

    ResponderExcluir
  21. Amigo,
    bom demais tirar o dia de folga e curtir o sobrinho, rsrs.
    Hoje fiz geleia de morango p/ acompanhar um frozen yogurt, sou fão incondicional
    de geleias.
    A de cebola roxa é um ótimo acompanhamento p/ carnes.

    Bjs, ótimo final de tarde!

    ResponderExcluir
  22. Obrigada pela visita.
    Gostei daqui, seus textos são ótimos, estou seguindo.

    GABRIELLY ROSA ♥

    ResponderExcluir
  23. E que venham outros momentos para se tornarem inesquecíveis. Bjs

    ResponderExcluir
  24. Wish you a nice week ..
    Hugs from Moonlight

    ResponderExcluir
  25. Gosto de ler duas vezes poesias: uma para sentir e a outra para entender (não, raramente consigo fazer as duas coisas ao mesmo tempo. rsrsrs). Adorei cada detalhe, "Talvez um dia seja tudo o resto mais simples do que isso", muito bom!!

    terradefagulhas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  26. Olá, Felisberto! Alguns poetas inspiram-se com a lua, outros com o sol. Há os que prefiram a chuva. Mas ficar à janela dá pano pra manga...
    Lindo texto!
    Boa tarde!

    ResponderExcluir
  27. Caro Felis, pela leitura, descubro uma certa intensidade na crónica. A teu modo de conduzir o te espaço, embora sempre o achasse bom, parece de um otimismo mais permanente.
    Obrigado pela passagem no meu espaço.
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  28. Olá, querido Felis!

    Tudo bem? Espero e quero que sim.

    Fiquei deslumbrada com seu texto. Verdade, mesmo!
    Visualizei toda a cena: você ESTACIONOU (acho esse verbo fascinante) e aí tanto mundo já vivido e tanto para viver, ainda.

    Quantas lembranças naquele amor, doce, "eterno" e inesquecível!

    Parece tudo tão simples, e é simples, sem dúvida, mas nós, nossa mente, é que não é capaz de acompanhar a intensidade e a perfeição do momento.

    Que bom que foi aquele beijo, que despertou em vocês ideias loucas e poucas.

    AMAR É SIMPLESMENTE TER A PAZ "UNIVERSAL" DENTRO DE NÓS.

    Dias bem felizes, e sempre que quiser, estacione junto à janela, à cama, na lua, no vento, enfim, nela, em sua amada.

    Depois de um mês e alguns dias, sem postar, por questões profissionais, voltei a fazê-lo no sábado passado.

    Um beijo, bem carinhoso, da Luz.

    ResponderExcluir
  29. SIEMPRE MAGNÍFICOS TUS TEXTO. GRACIAS POR COMPARTIRLOS.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  30. Texto excelente, Felis. E a foto, apesar de simples, é de uma delicadeza ímpar. Abraços

    ResponderExcluir
  31. Muito lindo! ♡ ♡ ♡
    Feliz e Abençoada Semana!
    Abraços da Bia!

    ResponderExcluir
  32. Felisberto:Quero que o sol bata todos os dias na minha janela e na minha vida!A luz é tudo!!
    Amigo, passando para informar que seu blog consta linkado no post atual do meu blog.Bjs e uma linda tarde!!

    ResponderExcluir
  33. Olá querido Felis,

    Mala pronta, voltei e até já me despedi no blog. Só voltarei 'ao ar' no próximo dia 17, se Deus quiser!

    Seu texto é lindo e reflete este romantismo que lhe é peculiar.
    Muito bom ter momentos marcantes e bem vividos para recordar, ainda que as lembranças tragam saudades e certa melancolia.

    Beijo.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Subir Página