Muito conhecido


Google Imagens - Muito conhecido (400x200)
... mano Eduardo era um cara MUITO conhecido na rua, no bairro, na cidade onde morava.
-Você é MUITO conhecido na cidade, eu dizia.
-E não só aqui, dizia ele.

Certa vez, fomos em outra rua, outro bairro, outra cidade e em todo lugar Eduardo encontrava um conhecido.
-Você também é MUITO conhecido em outra cidade, eu dizia.
-E não só em outra cidade, em outro Estado também, dizia ele.

Certo dia, fomos passar férias no nordeste brasileiro, e para minha surpresa, em todo lugar o Eduardo encontrava um conhecido.
-Você é MUITO conhecido no Brasil inteiro, eu dizia.
-E não só no Brasil, sou conhecido no Mundo todo, dizia ele.

Certo mês, fomos visitar familiares no Japão e incrível, do aeroporto até o hotel, Eduardo não encontrou nenhum conhecido.
Pelo jeito, ele era MUITO conhecido somente no Brasil ...

Quando estávamos chegando ao hotel , ficamos sabendo que, por coincidência, o Pelé estava no Japão, hospedado em um hotel , cinco estrelas, em frente ao nosso, uma estrela.
Pelé, para muitos , o melhor jogador de futebol de todos os tempos e ele sim, uma pessoa MUITO conhecida no Mundo todo ... 

E quando ele, "rei" Pelé, apareceu na sacada acenando, várias pessoas acenaram de volta. Eu também!
De repente, Eduardo me disse:
-Espere aqui que vou ver se consigo que o Pelé nos receba, disse ele, desaparecendo no meio das pessoas que estavam lá para ver o Pelé.
Até que, olhando para a sacada de onde o Pelé acenava, vi o Eduardo aparecer, cumprimentar o "rei" e acenar para à multidão. 
Incrédulo, vi várias pessoas acenando de volta. 
Assim, perguntei à um japonês que estava ao meu lado e que tinha acenado de volta para o Eduardo:
- Anata wa barukonī ni asoko no otoko o shitte imasu ka?
(Ops, esqueci de ativar a tecla blog-sap)
-Você conhece aquele homem ali na sacada?
-Que homem? Ah sim, aquele ali ao lado do Eduardo, eu acho que é o Pelé.
⁀‿⁀

 Uma "velha" piada "velha" "serviu" de mote ...

Obrigado,

Comentários

Descer Página
  1. Rssssssssss...Valeu!E ele era importante em todos os lugares... Bem inspirada e humorada história! abração,chica

    ResponderExcluir
  2. Muito bom texto, "...aquele ali ao lado do Eduardo, eu acho que é o Pelé."
    Grande Eduardo!
    Abraços amigo Felisberto!

    ResponderExcluir
  3. Eu daqui ri, mesmo sem saber ainda do contexto em que ela foi citada ... aguardemos ...

    Abração e boa semana ...

    ResponderExcluir
  4. Creio que o importante não é ser conhecido e sim qual o motivo de assim o ser. Ser muito conhecido por boas ações praticadas é louvável embora acho que se deve manter sempre a humildade.
    Muito bom vê-lo de volta.
    Um abraço.
    Élys.

    ResponderExcluir
  5. Olá meu bom amigo Felisberto, estou de férias necessárias e estou longe da net, hoje conectei, visitei uma amiga muito querida e estavas lá, então corri para cá, bom saber que quando retornar tenho de volta um dos blogs que meu deixou muita saudade quando parou por um tempo...bom saber que estamos blogando, vivendo...
    Amei a história, ri, tens uma maneira engraçada, por vezes quando escreve, quase um piada, mas me pareceu que um personagem era realmente conhecido, e com certeza pelo mundo todo, e não é do Pelé que falo, como disse meu rei Bratz, aguardemos. Estava com saudade, se é que é possível esta palavra no mundo virtual.
    ps. Carinho respeito e abraço

    ResponderExcluir
  6. Bem criativa.
    Gostei.
    No aguardo.
    beijo

    ResponderExcluir
  7. Felis, meu querido amigo, que felicidade te ver novamente por aqui!!! Quanta saudade! Nem acreditei ao ver teu comentário no meu blog, e me apressei em vir te cumprimentar. Que bom que estás recuperado daquele baque que a vida te deu... É isto mesmo, amigo, como bem disseste: "O que importa é que chegou a hora de jogar fora todo o peso da tristeza e dar a volta por cima."
    Os revezes nos mostram, de alguma forma, novos caminhos, abre novos horizontes, e mesmo que ainda carreguemos a sombra da tristeza na bagagem, mesmo assim, sabemos que a luz que nos direcionou os novos passos estará sempre lá, a nos iluminar os caminhos. Tu és um filho especial de Deus e Ele estará sempre "te segurando pela mão".
    E tu mesmo disse:
    "...sem medo do medo e com asas para buscar novos caminhos, encontrar novas saídas, conhecer novos rumos, abraçar o vento que sopra corajoso por trás do sol que corta o horizonte .
    Caminhar, voar, viver, ser, ser feliz!..."
    Palavras de coragem, de uma pessoa determinada, guerreiro da vida, e que merece (e vai encontrar) a alegria a cada passo, a felicidade em cada olhar dado à vida. E nós estamos aqui, meu amigo, para aplaudir os teus feitos, amigos e leitores, pois conquistaste um lugarzinho em cada coração que te visita.
    Quanto à postagem de hoje, ansiosa pela "explicação" que irás dar em outra postagem. Mas esta, acredite, já me fez dar uma gostosa gargalhada. Excelente publicação!
    Que bom ver-te de volta! Adoro te ler!
    Deixo não apenas sorrisos e estrelas, mas um punhado de rosas brancas para enfeitar a tua volta.
    Com carinho,
    Helena

    ResponderExcluir
  8. rssssss, achei ótima!!
    Como está você, Felisberto? Senti muito por você ter que passar por isso. Mas fico contente pelo seu retorno, apesar da cicatriz permanecer. Espero que, com o tempo, a dor diminua e vire uma doce saudade.
    Com carinho.

    ResponderExcluir
  9. Adorei, deu para aliviar um pouco o meu dia que foi "complicadito".
    Fiquei feliz de o ver regressar.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  10. Meu poeta lindo que bom estar aqui novamente
    e ler coisas tão bonitas e interessantes, vc é
    uma pessoa bem especial pra mim te adoro como o
    famoso Eduardo rsrsrsr......Bom ver vc um pouco
    mis alegre desejo de coração td de melhor pra vc
    Bjuss com meu cARINHO DE SEMPRE
    Rita

    ResponderExcluir
  11. Muito boa, Felisberto! Mas você vai ter que nos dar a explicação (rss), já que algo o inspirou para que se lembrasse da piada. Valeu, viu!!! Estava precisando dar uma risada. Bjs.

    ResponderExcluir
  12. Boa tarde querido Felisberto.
    Imagino como era o mano Eduardo, uma pessoa conhecida pela bom caráter e carisma. Pelo seu apego deveria ser uma pessoa especial. Que bom voltar a ler as suas escritas, estive na postagem anterior, e fiquei feliz pela sua força e coragem em se levantar e buscar ser feliz, com certeza vai conseguir. Que Deus o abençoei , a sua filha e toda família. Enorme abraço.

    ResponderExcluir
  13. Feliz de te ler novamente.
    Ensolarado 2016.

    ResponderExcluir
  14. Oi Felisberto,
    Quanto tempo!
    Adorei a piada, muito engraçada.
    Beijos
    Minicontista2

    ResponderExcluir
  15. rsrsrs...
    Muito legal, meu amigo! Adoro textos assim, que nos descontraem e nos arrancam sorrisos. Principalmente vindo de você, que acabou de passar por momentos traumáticos em sua vida. Isto mostra sua disposição em se reerguer e tocar a vida prá frente, embora sem se esquecer do querido mano Eduardo. De certa forma, você o homenageia através desta postagem.

    Adorei!

    Beijo.

    ResponderExcluir
  16. Feliz,

    Sabe o que me lembrei ao ler este texto? Paul McCartney foi barrado no baile após a festa do Grammy 2016! Inacreditável. Ele levou no bom humor. rsss..

    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Excelente, Felisberto. Um cara conhecido em todos os lugares. Só resta saber a piada.
    Beijo*
    Renata

    ResponderExcluir
  18. Olá querido amigo, muito bom estar aqui novamente e vê-lo retornando a vida "normal" com senso de humor! Afinal quem é Pelé? kkk Seu blog está ótimo com estas cores suaves! Abraçosss

    ResponderExcluir
  19. Essa piada é velha, mas é ótima, Felis. hahahaha abçs

    ResponderExcluir
  20. Gostei do teu blogue Felisberto, você manda bem. Numa carência de inspiração que me encontro, só pude fazer uma quadrinha infame como comentário, desculpe.

    Talvez tu tenhas ouvido
    Algo que, sabe como é,
    Eduardo é conhecido
    Muito mais que o Pelé.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Subir Página